quarta-feira, 3 de agosto de 2005

Bem que a Fê Fig avisou: procurar apartamento é trabalho de formiguinha e, em nota mental, corretores deveriam ser exilados no inferno.

Hoje vi uma kit na Major Quedinho, pertinho das bocadas da av. 9 de Julho, a primeira da enorme lista que chupinhei do Primeira Mão em ordem de preço.
Kit horrorosa.
Com o azuleijo do banheiro descascando a tinta que alguma alma imbecil um dia pensou que seria uma boa idéia passar.

Só com muito desapego mesmo.
E o corretor disse ao telefone: Aguardo o seu retorno ainda hoje.

Vai esperando filho.

3 comentários:

Sid disse...

Procurar apartamento é uma provação. São variáveis que não se encaixam facilmente. Você não gostaria de morar no meu antigo ap lá na Augusta? Se quiser te dou o tel. E se eu encontrar algum corretor na rua pode deixar que eu agrido!

matheus disse...

procurar apartamento é trabalho para no mínimo dois meses. os primeiros serão sempre os piores. então, chega uma hora em que você cansa e pega aquele meia-boca que você gostou mais ou menos e pinta as paredes da sala de laranja.

Ed Gardenal disse...

Ahahahahah! Só com muito desapego mesmo é ótemo. Bem, eu encontrei um rápido porque sou desapegado. Se bem que no meu caso, desapegado serve de eufemismo para maloqueiro.