segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Ah a roda da vida...
Ela gira, gira, gira...

Eu podia nessa altura ser gorda, casada e feliz.
Mas não.



Nenhum comentário: